Justiça manda penhorar renda do jogo do USC

Antes mesmo de a bola rolar, a diretoria e os torcedores do Uberaba Sport Club (USC) foram surpreendidos com mais um polemica envolvendo o clube. Desta vez, a juíza da 1ª Vara do Trabalho da Comarca de Uberaba, Maria Tereza da Costa Machado Leão, mandou penhorar toda a renda líquida do jogo, pertencente ao USC, ocorrido na noite de ontem, pela segunda fase da Copa do Brasil, entre o Colorado e Palmeiras.

O mandado de penhora foi expedido na segunda-feira, dia 14 de março. Porém, ao tomarem conhecimento dos fatos, os advogados do USC entraram com um requerimento pedindo a anulação da penhora. Atendendo ao pedido, a juíza transformou o mando de penhora em pedido de bloqueio da renda.

A princípio, todo o dinheiro que iria para o USC seria utilizado para quitar os salários atrasados dos jogadores. Agora, terá outro destino. Os advogados do clube tentarão amanhã reverter a situação, orientando os atuais atletas do elenco a entrarem com uma ação de embargos contra terceiros, onde os primeiros beneficiários seriam os próprios atletas, além de entrar com uma ação de regresso, responsabilizando a antiga diretoria do clube, responsável pela dívida.

A penhora é consequência de uma dívida trabalhista movida pelo ex-atleta do clube André Luís dos Santos, contratado para defender o Colorado nos períodos de 3 de abril a 31 de julho de 2003, sendo novamente contratado do dia 1º de setembro a 21 de dezembro do mesmo ano. O valor atual da dívida trabalhista gira em torno de R$400 mil.

Por JM / Foto: José Alves

Fim do sonho colorado na Copa do Brasil



O sonho de seguir adiante na edição 2011 da Copa do Brasil chegou ao fim. Pela segunda vez consecutiva, o Uberaba Sport Club foi eliminado na segunda fase da competição nacional. No ano passado, a equipe alvirrubra ficou para trás ao perder para o Fluminense. Desta vez, o Palmeiras não deu chances ao USC, vencendo por 4×0, na noite de ontem, no estádio Uberabão.

Com dois gols de Luan e dois de Kleber, o Verdão eliminou a necessidade do jogo de volta e ainda levou 60% da renda líquida. Vale lembrar, que o público pagante foi de 8.206 torcedores, gerando uma renda bruta de R$ 228.240

Agora, o time paulista enfrenta na terceira fase o vencedor do confronto entre Sampaio Corrêa e Santo André. Já o Uberaba volta todas as suas atenções para o Campeonato Mineiro. No próximo domingo, o Zebu vai até Governador Valadares para enfrentar o Democrata, pela sétima rodada do Estadual.

O jogo. O duelo entre USC e Palmeiras foi disputado em um gramado encharcado. E, por isso, o técnico Luiz Felipe Scolari optou por escalar o atacante Luan como titular, deixando Adriano e Vinícius no banco de reservas. Em jogadas pelo lado esquerdo de ataque, que estava sem poças d’água, o Palmeiras levou muito perigo à meta do goleiro Fernando. Porém, o primeiro gol do Verdão surgiu após a cobrança de um escanteio pelo setor direito. Marcos Assunção cruzou com perfeição na cabeça de Luan, que só teve o trabalho de desviar para o fundo da rede.

Dois minutos depois, o USC teve a grande chance de empatar o duelo. Cristiano Brasília cruzou para Marcinho, que desviou de cabeça, assustando o goleiro Deola.

Aos 22 minutos, o Palmeiras ampliou a vantagem. Luan tabelou com Kleber, penetrou na área do Colorado e bateu forte, estufando a rede.

Mesmo atrás do placar, os jogadores do Zebu não se mostraram desanimados. Aos 36 minutos, Maurinho cruzou com perfeição para Marcinho. Na entrada da pequena área, o atacante do USC pegou de primeira. A bola acabou batendo na trave. Mas, seis minutos depois, o Verdão encontrou uma brecha no setor defensivo do Colorado e fez o terceiro gol. Valdívia tocou para Kleber na entrada da área. O Gladiador do Alviverde bateu com categoria, no canto do goleiro Fernando, que nada pôde fazer.

No segundo tempo, o técnico Nenê Belarmino fez algumas modificações, mas que não surtiram efeito. O Colorado quase não deu trabalho ao goleiro do Verdão. Já Kleber desperdiçou duas ótimas oportunidades de marcar. Na terceira chance, no entanto, o Gladiador mostrou a sua categoria e, após assistência de Márcio Araújo, emendou um voleio, marcando o quarto gol do Verdão.

Por JM / Foto: Enerson Cleiton

Uberaba vence Santa Helena e garante vaga na próxima fase

Por JM

O desejo de toda a comissão técnica, jogadores, dirigentes e torcedores foi realizado. O Uberaba Sport venceu o Santa Helena por 3×1, na noite de ontem, no estádio Pedro Romualdo, casa do adversário, pela primeira fase da Copa do Brasil. Como derrotou o Fantasma do Sudoeste por dois gols de diferença, o Colorado eliminou o jogo da volta.

Agora, o time alvirrubro encara na próxima fase o vencedor do confronto entre Comercial-PI e Palmeiras, que se enfrentam na próxima quarta-feira, em Teresina. Os gols da classificação foram marcados por Cristiano Brasília (2) e Cadu. Lukinha descontou para os donos da casa.

Agora, o Zebu deixa de lado a Copa do Brasil e volta todas as suas atenções para o Campeonato Mineiro Módulo I. No domingo, a equipe colorada enfrenta a Caldense, às 16h, no estádio Ronaldão, pela quarta rodada.

O jogo. O Colorado entrou em campo disposto a decidir o jogo já na primeira etapa. Logo aos cinco minutos, o lateral-esquerdo Helton fez boa jogada individual, entrou na área e bateu forte, assustando o goleiro adversário. Seis minutos depois, Helton aproveitou-se de um cruzamento de Maurinho e colocou a bola no fundo do gol, mas o assistente acabou assinalando impedimento.

Aos 20 minutos, não teve como o time goiano evitar. Cristiano Brasília bateu de perna direita da entrada da área e a bola foi parar no fundo da rede, fazendo o primeiro gol do Alvirrubro.

O atacante Cadu quase ampliou aos 23 minutos, quando tentou finalizar de bicicleta. Treze minutos depois, o lateral Helton acabou deixando o campo ao sentir uma fisgada na coxa. Fabiano Souza teve que entrar em campo.

O segundo gol do USC saiu aos 36 minutos. Em um rápido contra-ataque, Ewerton Maradona rolou a bola para Cristiano Brasília, que concluiu com tranquilidade, sem chances para o goleiro Reinaldo.

Nos acréscimos, Cadu fez o terceiro do Zebu. O atacante arriscou da intermediária, surpreendendo o goleiro do Santa Helena.

Na segunda etapa, o Santa Helena partiu para o tudo ou nada, tentando diminuir o marcador. A equipe goiana até conseguiu marcar um gol. Aos 23 minutos, Renatinho cruzou e Lukinha complementou para a rede. O Uberaba ainda teve outro gol anulado. Alemão marcou de cabeça, mas o árbitro assinalou uma irregularidade no lance.

O Fantasma do Sudoeste levou muito perigo à meta do goleiro Fernando, que fez três defesas espetaculares, garantindo a vitória do USC por 3×1.

Uberaba vence Uberlândia e conquista título da Taça MG


Três meses atrás, o torcedor Colorado pensava no título da Taça Minas Gerais, mas jamais imaginava que seria da forma como foi e ainda mais em cima de quem foi. Parece até que foi tudo combinado pra agradar o torcedor do USC porque o que a torcida uberabense viveu hoje foi como um sonho, um sonho que tinha que se repetir todo ano.

Na manhã deste domingo, o Uberaba Sport foi até o Parque do Sabiá e mesmo precisando de apenas um empate, venceu e conseguiu ficar com o título da competição. O placar da primeira partida (1×0) se repetiu e o Colorado comemorou na casa do rival. Além de ficar com o caneco, o Zebu de quebra garantiu uma vaga na Copa do Brasil de 2011, competição em que disputou pela primeira vez na temporada passada.

Com um gol contra do zagueiro Mateus, os cerca de mil torcedores colorados que acordaram de madrugada e viajaram 150km, fizeram uma linda festa e calaram os cerca de 6000 torcedores dos donos da casa.

Esse foi o terceiro título, da Taça Minas Gerais, que o Uberaba conquista em toda sua história. Antes o clube já havia vencido em 1980 e 2009. Com isso, alcançamos a marca de terceiro maior campeão da Taça, atrás apenas de Atlético Mineiro e Cruzeiro, com 5 títulos cada.

O atacante André Nascimento foi novamente homenageado. Uma foto do jogador foi estampada na camisa dos jogadores, além disso torcedores, membros da comissão técnica  e da diretoria também fizeram suas homenagens.


O jogo.

Para o Uberaba, o empate já serviria. Assim, tentou impor um ritmo mais lento à partida, mas logo foi impedido pelo Uberlândia, que entrou a 1000 por hora em busca de um golzinho logo de cara. A equipe verde assustou em dois momentos e quase abriu o placar.

Aos poucos o Colorado tentou sair para o jogo, mas encontrou algumas dificuldades, principalmente por Cadu ter jogado no sacrificio e a ausência do meio-campista, Maradona. Se Cadu estava mal, a aposta foi em cima de Marcinho. Após grande jogada, Marcel levantou a bola pra dentro da área. Marcinho tentou mas quem estufou as redes mesmo foi o zagueiro do Uberlândia, Mateus. Gol contra e festa da torcida colorada que via o sonho de ser campeão em pleno Parque do Sabiá cada vez mais próximo.

A segunda etapa foi idêntica à primeira. O Uberlândia  seguia pressionando o Zebu, levando perigo ao gol e deixando o torcedor colorado com o coração na boca. Os técnicos, tanto Moacir Júnior, pelo Uberlândia, quanto Birigui, pela Uberaba, alteraram suas equipes, em busca do objetivo. Pro Uberlândia, era ir pro tudo ou nada, enquanto pro Uberaba, o negócio era segurar o resultado. Felizmente para nós,  o resultado insistiu em permanecer e o jogo terminou com a nossa vitória.

Enfim, a festa colorada foi enorme. O Uberaba-MG conquistou, pela terceira vez, o título da Taça Minas Gerais de Futebol. A equipe demonstrou força, garra e determinação para superar todos os obstáculos encontrados durante a temporada e olha que foram muitos em? Hoje é um dia de festa para todos nós uberabenses então é melhor nem lembrar dessas tristezas!

Ficha técnica
Uberlândia: Felipe; Afonso (Alex), Carlão (Celinho), Mateus e Júlio César (Willian), Caetano, Vertinho, Juninho Cearense e Carlos Magno; Lila e Rena. Técnico: Moacir Júnior

Uberaba: Glaysson (Fernando), Ivonaldo, Rodrigão (Luciano), Felipe e Marcel; Balduíno, Gustavo, Gabriel e Rafael Ipuã, Cadu (Maxwell) e Marcinho. Técnico: Marcos Birigui

Arbitragem: Emerson de Almeida Ferreira, Jair Albano Félix e Walace Pena.

Colaboraram Correio de Uberlândia e Triângulo Sport
Fotos Valter de Paula


Veja mais fotos da grande final clicando aqui ->  show