Diretoria prevê dificuldades no segundo semestre

A diretoria do Uberaba Sport Club já havia adotado a política pés no chãos quando esperava com otimismo a possibilidade de disputar a Série D do Campeonato Brasileiro. Ontem, com a confirmação do Tupi na disputa da competição nacional, a situação ficou mais complicada e a direção sabe que terá ainda mais trabalho para montar o elenco.

Apenas com a Taça Minas Gerais no segundo semestre, a única certeza é que o orçamento será bastante inferior ao que estava a disposição no Campeonato Mineiro. “Não tenho ideia de quanto serão os gastos do Uberaba Sport no segundo semestre. Vamos fazer de tudo para ser o mínimo possível. Até o momento, temos apenas patrocínios pequenos e que não garantem quase nada”, declarou o presidente do Colorado, Luiz Humberto.

O pior é que sem disputar a Série D, alguns jogadores que já estavam apalavrados ou negociando com o Zebu podem encerrar as negociações para procurar outro clube que disputa uma competição de nível nacional. “Negociamos com alguns atletas visando às disputas do Brasileiro e da Taça Minas Gerais. Como não conseguimos a vaga até o momento no torneio nacional, isso pode acabar nos atrapalhando. Os jogadores contactados podem optar por outros clubes, que disputarão a competição nacional. Acertamos com bons jogadores, estávamos montando um time forte, do mesmo nível das equipes de 2009 e 2010. Esperamos que os atletas cumpram com suas palavras. Mas a tendência é que nós vamos encontrar dificuldades”, afirmou o Gerente de Futebol, Marcelo Araxá.

Com dificuldades ou não, Luiz Humberto afirmou que o Alvirrubro só vai crescer se tiver calendário o ano inteiro e garante que a equipe vai disputar a Taça Minas Gerais 2011. “Se quisermos jogar a Copa do Brasil novamente teremos que conquistar a Taça Minas Gerais. E é isso que iremos tentar. Time de futebol tem que jogar. Equipe que não joga é melhor fechar as portas. Qualquer competição que nós tivermos chance de disputar, nos interessa. Claro que corremos o risco de ter prejuízo, mas isso faz parte do jogo.”

Outro assunto que preocupa a direção do Uberaba Sport é o fato do Estádio Uberabão estar em reforma no período dos jogos da Taça Minas Gerais. Sem o Estádio, a alternativa é jogar em outras cidades e, segundo Marcelo Araxá, as conversas com dirigentes de outras equipes localizadas próximas a Uberaba já foram iniciadas. “Já conversei com dirigentes do Araxá. Eles colocaram o estádio à nossa disposição. Nos próximos dias, entrarei em contato com os diretores do Mamoré para verificar a possibilidade de mandar jogos no estádio Bernardo Rubinger”, revelou Marcelo, que ainda citou a possibilidade de mandar jogos em Frutal. “O presidente já iniciou as negociações com a prefeita de Frutal, Maria Cecília Marchi Borges, para realizar alguns jogos naquele município. Vamos aguardar”, finalizou.

Novela se encerra com final triste

Torcida do Tupi já pode comemorar: vaga é do Galo Carijó (Por JA/Foto: João Schubert)

A novela acabou. A diretoria do Tupi confirmou, na tarde desta quinta-feira, que o clube irá participar da Série D do Campeonato Brasileiro 2011. O Galo Carijó já enviou um ofício para a Federação Mineira de Futebol (FMF) confirmando a participação na competição nacional. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) será informada ainda hoje da decisão do time de Juiz de Fora. O outro clube mineiro confirmado na disputa da Série D do Brasileirão é o Villa Nova, de Nova Lima.

Um dos fatores fundamentais para o Galo Carijó disputar a competição foi o fato do clube estar completando, hoje, 99 anos de fundação. A diretoria atual, que encerra o mandato nesse ano, quer deixar o clube na Série C no Ano do Centenário e encerrar o mandato de bem com a torcida e conselheiros para, quem sabe, se reeleger na próxima eleição. Outro fator importante foi o fato da prefeitura de Juiz de Fora se comprometer a ajudar o clube com investimentos financeiros.

Por ter ficado na sexta colocação do Campeonato Mineiro, o Tupi herdou a vaga do América-TO, que ficou em quarto no Estadual e desistiu de disputar o Brasileirão. Com isso, o Alvinegro substituirá o time de Teófilo Otoni no grupo 5 da competição, ao lado de Gurupi (TO), Anapolina (GO), CRAC (GO) e Gama (DF). Devido as longas distâncias, o time juiz-forano tentará, com o apoio da FMF, uma troca para o grupo 6, que possui equipes de cidades mais próximas.

Torcedor Colorado, não deu. Não adianta reclamar ou lamentar. A vaga tinha que ser conquistada dentro de campo no Campeonato Mineiro. Vou além, o Zebu não precisava de ficar aqui aguardando vaga na Série D, era para estar se preparando para a Série C, pois esteve com o acesso na mão em duas oportunidades – 2009 e 2010 – e ficou só no quase. O que resta é aguardar a Taça Minas Gerais para ir em busca do tetra da competição e assegurar a vaga na Copa do Brasil 2012.

Boa sorte ao Tupi, que represente bem Minas Gerais!

Uberaba conversa com dois zagueiros

Filipe, do Guarani, sobe para disputar bola no alto (Por JA / Foto: Gabriel Castro)

Em busca de jogadores que possam reforçar o elenco para a Taça MG, a diretoria do Uberaba já está negociando com vários jogadores. O volante Cléber, por exemplo, já confirmou que está acertado com o Zebu. Nos últimos dias, o diretor Ernani Nogueira afirmou que, pelo menos, mais cinco jogadores deverão assinar contrato com o clube até o final do mês. Mesmo tentando manter o sigilo em relação aos nomes das novas contratações, a Rádio JM apurou que os zagueiros Filipe e Lúcio estão conversando com o USC.

Filipe defendeu as cores do Guarani neste Campeonato Mineiro e atuou em sete partidas. Curiosamente, o defensor foi o autor do gol do Bugre no duelo contra o USC – na oportunidade o Colorado venceu por 2 a 1. O jogador de 26 anos tem passagens por equipes de tradição do futebol brasileiro, caso do Criciúma-SC, e até mesmo por equipes da 1ª Divisão Portuguesa.

Já o zagueiro Lúcio defendeu as cores do Democrata, de Governador Valadares, nesse primeiro semestre. Revelado pelo Atlético Mineiro, o defensor de 29 anos ainda possui passagens por CRB-AL, ASA-AL, Uberlândia e Tombense.

A possibilidade dos dois atletas serem contratados é pequena pois o zagueiro Felipe, que terminou o Campeonato Mineiro como titular, deve acertar a renovação com o Uberaba nos próximos dias. “Eu e o Marcelo Araxá vamos nos reunir nos próximos dias para, se tudo der certo, renovar o contrato”, afirmou Felipe. Vale lembrar que o elenco atual só conta com dois jogadores do setor: Ricardo e Rodrigão.

Presidente do Colorado considera encontros positivos

Por JM / Foto: Fernanda Borges

Um dia de compromissos dedicados para o Uberaba Sport Club. Assim foi a terça-feira do presidente do Colorado, Luiz Humberto Alves Borges. O dirigente reuniu-se em Belo Horizonte com empresários, políticos e dirigentes de clubes mineiros. O intuito do cartola era buscar apoio na empreitada do Colorado em conquistar uma vaga no Campeonato Brasileiro da Série D e angariar recursos para que o time participe das próximas competições.

O primeiro encontro aconteceu pela manhã. Acompanhado pelo deputado estadual Antônio Lerin (PSB), Luiz Humberto esteve com o presidente da Federação Mineira de Futebol (FMF) Paulo Schettino. “Mais uma vez demonstramos o interesse do Uberaba Sport em disputar a Série D. O Schettino se prontificou a informar mais uma vez a CBF. Ele, no entanto, não sabia sobre os problemas encontrados pela Federação Goiana em encontrar clubes interessados na disputa da Série D. Vamos aguardar a resposta, que deve acontecer ainda esta semana”, afirmou Luiz Humberto.

Sem a companhia de Lerin, o segundo compromisso ocorreu em um almoço, na casa do presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella. No encontro, todos os clubes da elite de Minas Gerais marcaram presença, com exceção de América-MG e Atlético-MG. “Reivindicamos o apoio do Zezé Perrella para que no ano de 2012 as equipes do interior de Minas tenham ajuda financeira do governo do estado. Assinamos um documento e posteriormente teremos uma reunião com o governador Antonio Anastasia, onde cada equipe estará presente junto com um deputado da região,” disse o presidente do Zebu.

No período da tarde, Luiz Humberto voltou a encontrar com Lerin na capital mineira e ambos estiveram reunidos com diretores ligados ao Grupo Fiat e ao banco BMG. O objetivo destes encontros era buscar parceiros e patrocinadores ao Colorado. “Na Fiat nos foi passado que precisaremos apresentar dois projetos. Um projeto para que eles possam analisar a possibilidade de patrocinar o Uberaba durante a disputa da Taça Minas Gerais e o segundo visando o Campeonato Mineiro de 2012. Já no BMG, pedimos para que fosse ampliasse o valor da cota de patrocínio. Os diretores do banco ficaram de nos dar uma resposta, que não deve ser muito rápida”, revelou.

Ao final de todos os compromissos, Luiz Humberto avaliou como positiva sua passagem pela capital mineira. “A receptividade foi muito boa e considero o dia positivo. Não temos nada de concreto, mas pelo menos apresentamos os nossos interesses a pessoas importantes dentro do cenário empresarial e político”, finalizou.

Em busca de melhorias, presidente do USC viaja para BH

Zezé Perrella, presidente do Cruzeiro. (Por JA)

O presidente do Uberaba Sport Club, Luiz Humberto Alves Borges, sempre foi contestado por aparecer pouco e não buscar melhorias para o Colorado. Nos últimos meses, no entanto, a situação vem mudando e o mandatário vem demonstrando que está trabalhando muito para ajudar o clube. Hoje, por exemplo, a agenda de Luiz Humberto está mais do que lotada. Acompanhado do Deputado Estadual Antônio dos Reis Gonçalves Lerin (PSB), Luiz está em Belo Horizonte para se reunir com os  presidentes Ricardo Guimarães, do banco BMG, Paulo Schettino, da Federação Mineira de Futebol (FMF), e Zezé Perrella, do Cruzeiro.

Segundo Lerin, o principal objetivo da viagem a capital mineira é a vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. “Decidimos que amanhã (hoje) estaremos em Belo Horizonte, para conversar com o presidente da Federação Mineira de Futebol (FMF), Paulo Schettino. O objetivo é transferir uma das vagas do estado de Goiás para Minas Gerais no Brasileiro da Série D”. Porém, em nota a Federação Goiana de Futebol (FGF) confirmou a participação de duas equipes do Estado e, com isso, anulou as chances do Colorado de herdar a vaga.

Através de um convite do prefeito de Nova Serrana, Paulo César de Freitas, Lerin e Luiz Humberto vão se reunir com o presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella, em um almoço na casa do mandatário celeste. “Será uma oportunidade para pedirmos apoio ao Zezé Perrella. Os clubes da capital vão receber verba do governo estadual devido ao prejuízo que tiveram por não mandarem seus jogos no Mineirão, que está em reformas. Nós também queremos o apoio do governo. E a outra situação envolve a Série D. Vamos pedir para que ele  empenhe-se na ida do USC para o Brasileiro deste ano”, afirma Luiz Humberto.

Para fechar o dia, Luiz e Lerin vão se reunir com Ricardo Guimarães, presidente do BMG, para tentar melhorar o patrocínio do banco ao Colorado.  “Nós vamos reunir com o presidente do BMG. No encontro com o Ricardo Guimarães iremos solicitar um aumento na cota de patrocínio do banco ao USC”, informou o deputado.

Cléber é o primeiro reforço para o segundo semestre

(Por José Alves / Foto: FutebolMT )

O Uberaba Sport ainda não sabe quando a Taça Minas Gerais vai começar e nem se participará da Série D do Campeonato Brasileiro mas já acertou com o primeiro reforço para o segundo semestre. Trata-se do volante Cléber, de 23 anos, que foi destaque do Campeonato Matogrossense atuando com a camisa do Sorriso. O jogador só aguarda o chamado de Marcelo Araxá (Gerente de Futebol) para assinar o contrato de 1 ano com o Colorado. A diretoria, no entanto, ainda  não confirmou a negociação oficialmente, o que deve ocorrer nos próximos dias.

Para contratar o volante, o Zebu venceu a concorrência de alguns clubes do interior paulista e do futebol sul matogrossense que também demonstraram interesse no jogador.

Cléber terá a primeira chance de atuar em um grande centro do futebol brasileiro. Tratando Minas Gerais como uma vitrine, o volante espera agarrar a grande chance. “Jogar no USC é uma oportunidade e tanto. Vou procurar dar o meu melhor sempre, assim como fiz nos outros clubes e espero ajudar o clube a alcançar os objetivos”, afirma.

O atleta sabe que terá pela frente a pressão da torcida alvirrubra, que está acostumada a ver grandes jogadores na posição, mas mostra confiança em suas capacidades. “Sei do meu potencial, estou preparado para dar o meu melhor e, com isso, agradar toda a torcida e direção do Uberaba Sport” disse Cléber, que também pode jogar como zagueiro. “Sou um volante de marcação, de pegada e não vejo problemas em atuar como zagueiro”.

FICHA TÉCNICA:
Nome: Cléber Augusto de Sousa
Data e local de nascimento: 09/03/1988, Rancharia (SP)
Peso e altura: 77Kg / 1,80m
Posição: Volante
Clubes:  Ranchariensse-SP, Misto-MS, Tupã-SP, Holanda-AM, Rondonópolis-MT, Iraty-PR e Sorriso-MT.

Para conferir um vídeo com os melhores momentos do atleta, clique aqui